×
MenuLogo Super Squash

5 Benefícios do Milho Que Farão Você Jogar Squash Melhor


Gostou? Compartilhe!


avatar SquashistasPublicada em 3 Set 2020, por
Squashistas



capa do artigo

Junho é sempre um mês que coloca em evidência as delícias das comidas baseadas no milho. Ou seja, cuscuz, pamonha, canjica, bolos e outras opções se apresentam para satisfazer nosso apetite. Mas você conhece os benefícios do milho para o Squash? Sabia que ele pode ajudar você a jogar melhor?

Bem, o Squash é considerado o esporte com maior gasto calórico. Consequentemente, o esforço físico é também muito elevado durante o jogo ou treino. Por isso, uma boa alimentação, fortalecimento muscular e condicionamento físico são essenciais para qualquer jogador.

Por sua vez, o milho é um dos cereais mais cultivados no mundo. Foi descoberto há pelo menos sete mil anos em algumas regiões da América Central e do México. O segredo dos benefícios do milho está em sua composição. Isto é, ele contém nutrientes essenciais que ajudam o corpo a ter um melhor desempenho durante a prática esportiva.

Veja a seguir a lista dos macro e micronutrientes do milho e seus benefícios para o Squash.

Carboidratos

O milho está posicionado como um dos cereais mais ricos em amido. Ou seja, um tipo de carboidrato complexo que provê energia suficiente para sustentar atividades físicas prolongadas.

O amido não causa um excesso de liberação de insulina, tal qual outros tipos de açúcar. Por conseguinte, isso permite uma biodisponibilidade de carboidratos para uso durante a prática do Squash.

Fibras

As fibras contidas no milho tem duas vantagens. Primeiro aumentam a saciedade, reduzindo a secreção de insulina e promovendo a disponibilidade de carboidratos durante o exercício. Segundo, reduzem a passagem de açúcar no sangue, diminuindo o índice glicêmico.

As fibras, portanto, previnem a sensação de fome, contribuindo com mais estoques energéticos durante uma partida de Squash.

Proteínas

Produtos a base de grãos (cereais) e o milho, em particular, representam fontes importantes de proteína. Logo, contém muitos aminoácidos essenciais para o corpo.

As proteínas podem desenvolver ou manter todas as células, incluindo as fibras musculares. Isso contribui com a explosão das jogadas e a velocidade dos movimentos durante uma partida de Squash.

Qualquer jogador, portanto, deve atentar para o consumo apropriado desse macronutriente. Afinal, em conjunto com as fibras, provê saciedade, que ajuda a controlar a sensação de fome. Ou seja, um elemento-chave para evitar aquelas refeições fora de hora que podem prejudicar a forma física.

Lipídios (Gorduras)

O milho contem certa de 3 a 12% de lipídios. A maior parte deles são gorduras mono e polisaturadas. Não possui gorduras saturadas ou trans. Ou seja, gorduras facilmente metabolizadas pelo corpo e benéficas.

Assim como os carboidratos, as gorduras contribuem para os estoques energéticos do corpo. Quem joga Squash sabe que é essencial obter energia para todos os momentos do jogo.

Micronutrientes

O milho também contém vitaminas C, E, B1, B2 e B3, zinco, ferro, selênio e magnésio. Esses componentes melhoram o sistema imunológico e a capacidade antioxidante do corpo.

Eles permitem um estado de disponibilidade muscular ótima para a prática de atividades de alta demanda física como o Squash. Ou seja, contribuem para que o corpo esteja preparado para efetuar as jogadas durante o jogo, bem como a saúde de uma maneira geral do jogador.

Conclusão sobre os benefícios do milho para o Squash

O milho, como se pode perceber, é um alimento muito rico e importante para o corpo. É recomendado dentro de uma dieta nutricional balanceada para quem pratica atividades físicas. Em especial para o Squash, um esporte de alto gasto calórico.

Por isso, na hora de escolher o que comer antes de ir jogar, vale a pena considerar receitas que potencializem os benefícios do milho. Ou seja, cuscuz com ovo, pamonha e outra fonte de proteína e várias outras combinações podem ser interessantes como fonte de energia.

Claro que não é bom abusar. Afinal, nem todo alimento a base de milho é, necessariamente, saudável. Bolos com muito teor de açúcar refinado ou exagero na manteiga no milho cozido, por exemplo, podem diminuir os benefícios que esse cereal pode trazer.

A recomendação final, é claro, é consultar um nutricionista de confiança devidamente habilitado para estabelecer uma dieta de acordo com as necessidades individuais de cada um.

Veja o artigo original no site Squashistas
Instagram: @squashistas


Gostou? Compartilhe!


LIVES

logo ao vivo piscando