×
MenuLogo Super Squash

Shawn Delierre: de jogador profissional de Squash à Auxiliar de Apoio da Cruz Vermelha Canadense


Gostou? Compartilhe!


Publicada em 6 Fev 2021, por SuperSquash



imagem de capa Shawn Delierre: de jogador profissional de Squash à Auxiliar de Apoio da Cruz Vermelha Canadense

Assim como muitas pessoas neste ano, Shawn Delierre sofreu mudanças drásticas em sua vida diária. O jogador profissional de Squash trocou suas raquetes por uma máscara e um jaleco, para auxiliar funcionários e residentes de várias casas de repouso em Quebec, incluindo casas de repouso de longa permanência.

Após o seu último jogo, em 1 de Março de 2020, o bi-campeão canadense de Squash planejava descansar e então voltar aos treinos. Mas tornou-se claro que ele não conseguiria voltar a jogar. Shawn então mudou seus planos.

Percebendo que a situação de hospitais e casas de repouso em Quebec estava se tornando crítica, Shawn sentiu a necessidade de se envolver e respondeu ao chamado da Cruz Vermelha.

Após receber treinamento específico para seu novo cargo, Shawn foi designado para atuar em uma casa de repouso de longa permanência em Montreal – uma experiência que ele não vai esquecer.

Ele temia não estar apto a fazer conexões e conversar com as pessoas que tinham mais experiência de vida. Mas, na realidade, envolver-se fez com que ele descobrisse novas facetas de sua personalidade e aplicar suas habilidades com pessoas para funcionar, mostrando compaixão, paciência e compreensão.

“Quando você entra no quarto de alguém, você está penetrando seu espaço pessoal. Então eu tenho de achar um meio de me conectar com cada residente. Geralmente, assim que eu digo que estou com a Cruz Vermelha, sou recebido de maneira calorosa. A Cruz Vermelha tem um lugar especial nos corações das pessoas. Os idosos e suas famílias nos agradecem por nossa presença e ficam felizes em nos ver.”

Algumas pessoas são mais reservadas que outras, então uma pequena estratégia pode ser necessária para fazer a conexão. Um residente que passou a maior parte de sua vida em um quarto, falava muito pouco. “Notei que ele tinha um violão na parede… Peguei o violão e comecei a tocar. Ele ficou emocionado, o que nos ajudou a conexão acontecer”, lembra Shawn.

Shawn logo finalizará seu período como Auxiliar de Apoio. Ele diz que isso lhe trouxe um senso real de satisfação e mesmo orgulho de poder ter sido útil aos outros.

A maior lição disso tudo? Apesar dos cuidados médicos que eles recebem, nossos idosos tem uma necessidade especial de uma presença que transmita conforto, apoio e até um ouvido amigo.

“A sua presença é o bastante. Eles querem retribuir a você o tanto que você dá a eles”.

Isso resume a Cruz Vermelha Canadense – Dar conforto àqueles que precisam, durante os períodos mais difíceis da vida.

“Juntar-me à Cruz Vermelha preencheu todas as partes que faltavam em mim. Você se sente mais inteiro como um ser humano quando ajuda ao próximo”

Você também pode ajudar – Saiba mais!

Website da Cruz Vermelha Canadense
Website da Cruz Vermelha Brasileira

Traduzido do post original: Shawn De Lierre: from professional squash player to Canadian Red Cross support aide


Gostou? Compartilhe!


LIVES